Flamengo muda nota oficial e retira trecho sobre punição a gerente

Flamengo muda nota oficial e retira trecho sobre punição a gerente

 

Horas depois de divulgar uma nota oficial sobre o desentendimento entre o gerente Isaías Tinoco e o diretor executivo de futebol, Luiz Augusto Veloso, o Flamengo mudou o texto do comunicado retirando o trecho que em anunciava que Isaías seria "punido pelo ato de indisciplina".

 

 

A primeira versão da nota oficial emitida pelo clube era dura com o gerente, que foi chamado de supervisor. Isaías "será punido pelo ato de indisciplina" por ter faltado "aos treinamentos de sexta-feira e sábado e não acompanhou a delegação à capital paulista". O comunicado foi redigido pela assessoria da presidência na presença de Patricia Amorim, mas sem a participação de Isaías, que deixara a sede mais cedo.

Informado e questionado sobre o teor da nota pela reportagem do GLOBOESPORTE.COM, alegou que não tinha lido, mas deixou transparecer um ar de desaprovação. O dirigente entrou em contato com a assessoria para saber quem redigiu a nota, e seguiu contrariado.

A nota oficial foi publicada às 18h35, e editada por volta das 20h, com o trecho sobre a punição a Isaías sendo retirado. No entanto, pouco depois das 20h30, o conteúdo sobre a pena ao gerente voltou ao ar. Por fim, na última atualização, às 21h06, o texto foi mais uma vez editado no trecho que não agradou Isaías.

Compare as notas:

A nota divulgada às 18h35:

"Em reunião realizada na sede da Gávea nesta segunda-feira, (03.10) o supervisor de futebol Isaías Tinoco pediu desculpas à presidente Patricia Amorim por sua conduta inadequada no último final semana, quando faltou aos treinamentos de sexta-feira e sábado e não acompanhou a delegação à capital paulista.

Durante a conversa, a dirigente ponderou a possível reconciliação do supervisor com o departamento de futebol visto a relação de confiança e os serviços prestados ao clube ao longo dos últimos anos.

Em seguida, a presidente encaminhou Isaías ao departamento de futebol onde o mesmo desculpou-se com a comissão técnica através do diretor executivo Luiz Augusto Veloso. Osupervisor permanece no cargo, mas será punido pelo ato de indisciplina".

A nota atualizada às 21h06 no site oficial do clube:

"Em reunião realizada na sede da Gávea nesta segunda-feira (03.10) o gerente de futebol Isaías Tinoco pediu desculpas à presidente Patricia Amorim por sua conduta inadequada no último final semana, quando faltou aos treinamentos de sexta-feira e sábado e não acompanhou a delegação à capital paulista.

Durante a conversa, a dirigente ponderou a possível reconciliação do gerente com o departamento de futebol visto a relação de confiança e os serviços prestados ao clube ao longo dos últimos anos.

A presidente encaminhou Isaías ao departamento de futebol onde o mesmo desculpou-se com a comissão técnica através do diretor executivo Luiz Augusto Veloso. O gerente permanece no cargo".